Doce de Abóbora

Adoro doce de abóbora (o da minha mãe é o melhor doce que já provei) e quando me ofereceram uma abóbora lembrei-me logo de fazer o meu próprio doce. Pois é, hoje aventurei-me e acho que não me sai mal.

Todos os anos, por esta altura do ano, sempre vi a minha mãe a fazer marmelada, geleia de marmelo (deliciosa!), doce de abóbora… O segredo é metade do peso da fruta descascada e descaroçada em açúcar. Isto é, se tiverem um quilo de fruta, juntar 500 gramas de açúcar. Eu usei açúcar branco, mas fica melhor com amarelo.

Então, aqui vai a descrição:

  • 1 kg de fruta descascada e descaroçada, cortada em cubos
  • 500 gr de açúcar
  • 2 paus de canela
  • 2 cascas de limão
  • 200 ml de água

Como fazer? Muito simples. Colocar na panela os pedacinhos de abóbora, juntar o açúcar, canela, as raspas de limão e a água. E deixar cozer, primeiro até ferver e depois deixar em lume brando, mexendo de vez em quando para não colar no fundo da panela. No meu caso, foi cerca de 3 horas.
Há quem coloque nozes partidas grosseiramente (fica óptimo) e quem passe o doce com a varinha mágica. Eu decidi deixar os bocadinhos.

Relativamente aos frascos, andei a pesquisar na internet sobre a estilização. Existe muita coisa, mas como não fiz muitos frascos (só dois) vai se comer num ápice. Então achei que não era preciso andar a esterilizar frascos e a pasteurizar. Deixei os frascos e as tampinhas ferver em água durante 15 minutos antes de começar a partir a abóbora, tirei os com uma pinça (para não me queimar) e deixar escorrer num pano limpo e passado a ferro. Quando forem colocar o doce nos frascos, tenham o cuidado de ver se estão bem secos. Quando colocarem a tampa bem enroscada, virar o frasco ao contrário e deixar repousar assim durante 24h. Vamos ver como corre esta primeira vez 🙂

Puré de couve-flor

Uma receita boa de um acompanhamento que gosto bastante. Fica barata e muito saborosa. Para duas pessoas usei:

  • metade de uma couve flor grande
  • três batatas médias
  • 200 ml de leite meio gordo
  • uma colher de sopa de manteiga magra
  • uma pitada de sal
  • uma pitada de pimenta moída

Preparação: cozer a batata e a couve flor cortados em bocados. Quando estiverem cozidos, reduzir a puré. Colocar num tacho e adicionar o leite, a manteiga, o sal e a pimenta e ir mexendo até o puré engrossar e fazer bolhas.

Fica menos calórica do que se fosse só feita com batata e a couve flor (que só cozida não tem piada nenhuma) deixa um sabor agradável no puré.

Bolo de maçã e canela

Para quem tenha maçãs a estragarem-se na fruteira (e com esta crise não se pode desperdiçar NADA!) decidi fazer um bolo de maçã. Procurei na net e descobri este. Costumo seguir este blog e tem sempre dicas e receitas muito boas.
O bolo ficou delicioso, para além de ser facilíssimo de confeccionar. Sabe mesmo bem com um chá agora nestes dias mais frios.